segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

134) Bolo de Caçarola

Ingredientes para a massa 

5 claras em neve 
5 gemas 
2 copos americano de açúcar
1/2 copo americano de chocolate em pó ( não use achocolatado )
1 copo americano não cheio de óleo 
5 copos americano de farinha de trigo 
2 copos americano de água morna
1 colher (sopa ) de pó Royal bem cheia 
baunilha a gosto
Modo de fazer 
Bater as claras em neve,acrescentar as gemas e a baunilha bater mais um pouco em seguida acrescente o açúcar e o óleo e bata mais um pouco. Desligue a batedeira e misture a água morna , mexa bem , em seguida acrescente a farinha de trigo, chocolate e o pó Royal, mexendo delicadamente, leve para assar em forno pré aquecido .

Ingredientes para o creme 
3 latas de leite condensado
4 latas (usar a do leite condensado como medida) de leite de vaca) 
3 gemas de ovo peneiradas
1 colher de baunilha
4 colheres (sopa) cheia de maisena
Modo de fazer 
Misture tudo muito bem e leve ao fogo para engrossar , depois que ferver mexa por 5 minutos para cozinhar bem , mexa um pouco para esfriar e acrescente 2 latas de creme de leite, mexa bem e leve para resfriar na geladeira.
A parte bata 1 barra de manteiga sem sal com 1 lata de creme de leite , depois misture esse creme no outro.
Montagem do bolo
Numa caçarola untada com manteiga coloque papel manteiga no fundo e  na volta toda .
Corte o bolo em quadrados ou redondo de acordo com a forma que você assou  forre todo o fundo da panela com os pedaços de bolo deixando ficar buracos entre os pedaços em seguida coloque creme para preencher os buracos ,e uma camada por cima , em seguida coloque novamente pedaços de bolo sobre toda camada e novamente o creme para cobrir os buracos , faça isso em varias camadas ate terminar todos os pedaços de bolo,não se esqueça de em cada camada ir apertando para que os pedaços de bolo se acomodem bem ficando firme. Ao terminar as camadas cubra com um papel manteiga e leve no congelador até o dia seguinte . No dia seguinte desenforme o bolo e cubra se quiser com o creme ou deixe ao natural como deixei . Depois que desenformar deixe-o na geladeira .Um bolo leve e agradável ao paladar

 



quinta-feira, 12 de setembro de 2013

133) Salada Rustica com Gorgonzola

Salada Rústica com Gorgonzola

6 folhas de alface lisa

6 folhas de radicchio
100 gramas de bacon
2 unidades de pão ciabata médio 
azeite a gosto
1 colher sobremesa de nozes
1/2 xicara de cha de gorgonzola 
cheiro verde a gosto
Molho
1 colher sopa de mostarda
3 colheres sopa de azeite
1 colher sopa de vinagre tinto
sal e pimenta do reino a gosto
Modo de fazer
Rasgue as folhas numa travessa bonita
e reserve. Numa frigideira coloque o fio 
de azeite e frite o bacon  picado em
cubos não muito finos. Deixe fritar e 
quando estiverem dourados acrescente 
o pão ciabata picado em cubos grandes
para fazer os croutons.
Mexa bem tudo e deixe o pão dourar um
pouquinho. Desligue o fogo e misture
tudo as folhas.
Molho
Misture bem os ingredientes do molho e 
jogue sobre a salada. Misture tudo, e  com
as mãos mesmo  jogue por cima
pedacinhos de gorgonzola e as nozes
picadinhas. Jogue cheiro verde picado para
finalizar e sirva.

Receita água na boca 

132) Torta Alemã


Torta Alemã 

Ingredientes
3  gemas peneiradas
1 xícara de chá de açúcar refinado e peneirado
200 gramas de manteiga 
2 latas de creme de leite sem soro (reserve o soro)
1 pacote de biscoito maisena
1 colher de sopa de rum ou vodka
    Cobertura

    200 g de chocolate em barra 


1 caixinha de creme de leite

Modo de fazer
Na batedeira bata o açucar com a manteiga até ficar cremoso
  • Acrescente as gemas e bata,coloque o creme de leite (retire todo o soro) misturando delicadamente
  • Montagem
  • Coloque em um refratário uma camada de biscoitos molhados rapidamente no soro do creme de leite com o rum ou vodka
  • Despeje por cima uma camada do creme
  • Coloque mais uma camada de biscoito
  • Despeje todo o restante do creme por cima
  • Coloque mais uma camada de biscoitos
  • Reserve
  • Cobertura
  • Derreta em banho-maria a barra de chocolate e acrescente o creme de leite
  • Misture bem até ficar homogêneo
  • Jogue por cima da camada de biscoitos
  • Leve à geladeira por no mínimo, 3 horas
  • Receita show de receitas

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

131) La Pizza Thiago

131)    La pizza Thiago
7g de fermento (fresco ou seco)
135 ml de água + 100 ml de cerveja (mistura morna)
275g de farinha
30ml de azeite
6g de sal
8g de açúcar

Preparo:
1. Dissolva o fermento na mistura de água + cerveja e deixe repousar por 10 minutos.
2. Adicione esta mistura aos demais ingredientes.
3. Deixe a massa descansar por uns 30 minutos e a abra.

Recheio da pizza:
Molho de tomate a gosto
200g de peito de peru fino
3 tomates bem vermelhos em fatia
100g de champignons frescos fatiado (marinados em suco de limão siciliano por 20 minutos)
Manjericão a gosto
Queijo parmesão ralado na hora a gosto

1. A massa dá para duas pizzas. Abra-a bem fina, pois vai crescer.
2. Passe o molho de tomate e coloque os demais ingredientes.
3. Finalize com o queijo ralado e asse por 20 minutos aproximadamente

Bom Apetite ! 
Receita do meu filho Thiago Humberto

sábado, 11 de agosto de 2012

130) Tomates Assados com Alho

6 tomates maduros
6 dentes de alho picados
Manteiga
Tempero caseiro (sal, pimentas, alho e cebola)
Manjericão e tomilho a gosto

Preaqueça o forno a 200 ºC. Em uma assadeira coloque os tomates cortados um do lado do outro. Em cima dos tomates coloque os alhos - uma dica: use alho ralado de acordo com seu gosto. Pincele os tomates com azeite e polvilhe-os com o manjericão. Tempere com sal e pimenta. Asse os tomates descobertos durante 35 a 45 minutos, até que tenham amolecido e estejam com a casca levemente queimada. Sirva quente


Fonte: alimentacaosaudeeboaforma.com.br

129) Passos para Congelamento de Ervas em Azeite ou Manteiga sem sal

Ás vezes não usamos todo aquele ramo de ervas fresquinhas, que compramos para determinadas receitas.Congelando dessa forma elas não escurecem não perdem sabor e nem o aroma :)Passos para Congelamento das ervas em azeite ou manteiga sem sal (derretida)

1.Escolher ervas frescas, de preferência do mercado ou o seu próprio jardim.
2.Se quiser você pode picá-las bem, ou deixá-las em ramos e folhas maiores. Na foto, as ervas foram finamente picadas.
3.Colocar em bandejas de cubos de gelo (cerca de 2/3 cheio de ervas).
4.Você pode misturar as ervas (sálvia, tomilho, alecrim).
5.Colocar azeite extra-virgem de oliva ou manteiga derretida sem sal sobre as ervas.
6.Cobrir com filme plástico e congelar.
7.Remove os cubos congelados e armazenar em recipientes ou sacos pequenos de congelamento.
8.Não esqueça de etiquetar cada embalagem ou o saco com o tipo de erva (e óleo) dentro!
9. Usar em assados, batatas cozidas, etc
Pessoal, realmente gasta-se um pouco com azeite... mas o lance não é só economizar ervas para qe não estraguem, mas sim tê-las consigo para usar naquela comidinha de última hora, que merece todo amor, carinho e sabor... seja pra uma visita querida e inesperada, seja pra amigos e familiares...
Fontes:
thekitchn.com

128) Torta de Sorvete de Maracujá

Ingredientes
Sorvete
1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite
5 claras em neve
3 colheres (sopa) de açúcar
1/2 garrafa de suco de maracujá
1 envelope de gelatina sabor maracujá
1/2 xícara de água

Cobertura
1 lata de creme de leite
200g de chocolate meio amargo
2 colheres (sopa) de licor de chocolate

Modo de preparo
— Para o sorvete de maracujá, dilua a gelatina na água
— Bata as claras em neve com o açúcar
— Junte no liquidificador o creme de leite, o leite condensado, a gelatina diluída e o suco de maracujá e bata bem. Junte as claras batidas em neve
— Em uma forma forrada com plástico, coloque uma camada desse sorvete e leve para o freezer
— Para a cobertura, junte o creme de leite, o chocolate picado e o licor e leve ao microondas por um minuto ou ao fogo, em banho-maria, para derreter
— Deixe esfriar e distribua parte sobre o sorvete
— Coloque outra camada de sorvete e leve ao freezer
— Cubra com o resto da cobertura

Fonte: clicrbs.com.br

terça-feira, 31 de julho de 2012

127) Ovos Cozidos


Cozinhar ovos parece ser a coisa mais fácil do mundo, e é. 
Mas a dica de hoje com certeza vai fazer você ver a diferença quando testar. 
É muito comum as pessoas colocarem os ovos pra cozinhar e esquecerem da vida, já que não tem perigo de queimar, mas o resultado são ovos com a gema seca e esfarelada, além de escurecida em volta e nada apetitosa..
 Quando se aquece o ovo, as proteínas da clara, que antes estavam enroladas, perdem sua estrutura e se unem umas às outras. É por isso que ele endurece. 
Acontece que, se ficar tempo demais no calor, a clara, além de dura, fica borrachenta. Já a gema fica esverdeada, porque uma de suas proteínas, que contém enxofre, reage com outra, que contém ferro. Aí, além de ficar escuro, o ovo fede. Portanto o segredo do ovo cozido é o tempo.
 Coloque água numa panela,com os ovos e leve ao fogo, fique de olho e assim que a água ferver deixe por exatamente 3 minutos, desligue o fogo e mantenha os ovos nessa água por mais 10 minutos.
Depois retire da água quente e coloque para esfriar numa tigela com água fria. Resultado: clara mais macia e gema mais amarela e cremosa, nem seca nem mole.

domingo, 29 de julho de 2012

126) Temperando a diferença

Temperos, também conhecidos como espe­ciarias, são condimentos e ervas utilizados na culinária para proporcionar sabores diferentes e extremamente agradáveis aos alimentos. 
Os principais e mais conheci­dos temperos são: pimenta, gengibre, cravo, canela, noz moscada, açafrão, cardamo­mo e ervas aromáticas.
Na época das Gran­des Navegações e Descobri­mentos Marítimos (séculos XV e XVI) os temperos eram bastante valorizados na Europa, pois não podiam ser cultivadas naquele continente devido ao clima. O surgimento e crescimen­to da burguesia também aumentou a demanda por produtos considerados de luxo na época, conhecidas lá como Especiarias.
História dos Tem­peros e Especiarias: Tem­peros no século XV tinham seu comércio monopolizado pelos comerciantes Italianos de Gênova e Veneza. Comprados no Oriente, principalmente na Índia e China, e vendidos com alta porcentagem de lucro no mercado europeu. Os temperos eram levados então para a Europa através da rota do Mar Mediterrâ­neo, dominada também pelos comerciantes italianos.
No século XVI, os portugueses descobriram uma rota alternativa para chegar ao oriente através da navegação pela costa da África, tirando o monopólio dos italianos ao comprar  temperos diretamente dos produtores. As caravelas portuguesas chegavam à Europa carregadas de especiarias, que eram vendidas com alta taxa de lucro. Portugal se tornou uma potência econômica da época, basicamente devido ao comércio de temperos.
Depois da Segun­da Guerra Mundial, esses produtos passaram a ser vendidos em caixas e fras­cos, atraindo a atenção da consumidora moderna, que comprava o produto com a intenção de enriquecer o sabor dos alimentos e o aroma.
Atualmente, já é possível encontrar as especiarias em qualquer parte do mundo e a preços acessíveis. Os temperos são vendidos de diversas maneiras, sejam eles secos, para aguentar o clima frio do continente europeu, ou frescos, comu­mente utilizados em países de clima tropical.

AS ERVAS
Alecrim: de aroma fresco, que lembro o pinho, dá um sabor especial às aves, aos molhos e sopas de tomate, frutos do mar, carnes, patês, beringela, batatas, couve-flor, pães, Sucos e saladas de frutas. Ótimo no churrasco quando salpicado sobre o carvão.
Cebolinha verde: Muito usado em omeletes, molho vinagrete e molhos à base de creme de leite para peixes. Ótimo também em patês de ricota, queijo cremoso, sopas e saladas.
Coentro (em grãos ou moído): A semente inteira é usada no preparo de ponches, pickles, doces e no café. Industrialmente utilizada na produção de salsichas, linguiças e mortadelas. Moído, é usado no tempero de peixes, carnes, aves, assados ou grelhados, molhos, sopas de feijão, lentilhas e legumes. Também muito utilizado em pratos da culinária baiana, destacando-se as moquecas e as caldeiradas de peixes e frutos do mar.
Endro Dill: Indispensável no preparo de peixes, molhos, salada de batatas, marinados, pickles, carnes, sopas, pães, massas, queijos e compotas.
Erva Doce: Muito utilizada no preparo de biscoitos, bolos, bolachas, pães, queijos, molhos para saladas, frutas em calda, peixes e frutos do mar.
• Estragão: de sabor marcante, parecido com o anis, dá um toque especial a vinagres, pickles, molho tártaro de mostarda e maionese. Ótimo em saladas verdes, frutos do mar, pratos com ovos, frangos e carnes.
Manjericão: de sabor marcante e agradável, é ideal para receitas com tomate, em pizzas, molho para churrasco, lagosta, assados, saladas e legumes. E o principal ingrediente do molho ao pesto.
• Manjerona: de sabor requintado, semelhante ao orégano, é ideal para valorizar carnes e aves, pratos à base de tomate, sopas, saladas e com manteiga derretida em peixes grelhados. Ideal para pratos de cozimento rápido.
Orégano: Indispensável para pizzas. Ótimo em receitas com ovos, tomates, queijos, cebolas, recheios e molhos para carnes, aves, peixes e saladas de frutos do mar.
• Salsa: Ótima em canapés, sopas, saladas verdes, molhos de ervas, pães, tomates, omeletes, manteiga temperada, grelhados e recheios, sem a necessidade de reidratá-la.
• Sálvia: Indicada na preparação e no recheio de carnes e aves em geral, marinados, sopas, cremes, molhos de tomate, queijos, em massas com manteiga, batatas, biscoitos e chá.
Segurelha: Aromática e picante, pode ser usada sozinha ou em combinação com outras ervas em recheios para carnes, peixes ou aves, pratos com ovos, molhos, sopas, e feijões.
Tomilho: Aromático e levemente picante, é usado para temperar carnes, peixes, aves, pratos com tomate e queijos. 

ESPECIARIAS

Açafrão Espanhol: É muito utilizado em pratos da culinária francesa, espanhola e sul-americana. Indicado no preparo de arroz, paella, risotos, peixes, frutos do mar e pães.
• Açafrão da Terra: Erva da família do gengibre, é conhecido também como cúrcuma. De sabor ligeiramente amargo e cor amarelo-dourado, extraída da raiz seca e moída da planta. Além do sabor, serve para dar cor aos alimentos. Utilizado em pratos com ovos, pickles, molhos cremosos, maioneses, massas, frango, peixes, arroz e pães.
Alho desidratado (em flocos ou granulado): Seco e desidratado, substitui o alho fresco em todas as suas aplicações.
Alho Porró: lembra um pouco a cebola, é ideal para os molhos à base de manteiga e cogumelo fresco, saladas, sopas e caldos de peixe.
• Anis Estrelado: É típico no preparo de pratos da cozinha chinesa á base de carne de parco e pato. Também usado para fazer licores, chás e aromatizar bebidas alcoólicas.
Baunilha: de coloração marrom escuro, é utilizada no preparo de doces, dando sabor a cremes, biscoitos, bolos etc.
Bicarbonato de Amônia: utilizado no preparo de pães, bolos e biscoitos. Faz crescer a massa e por Ser volátil, seu aroma desaparece no forno sem deixar sabor.
Bicarbonato de Sódio: excelente fermento em pó para o preparo de bolos e biscoitos.
Canela da China: em rama é utilizada no preparo de pickles, frutas assadas, compotas, molhos de tomate e no cozimento de legumes. Em pó, pode Ser usada na preparação de pães, bolos, cafés, doces com frutas. E também indicada no cozimento de legumes e assados.
Cardamomo: essencial na cozinha indiana, é usada no tempero de arroz, Sopas, picles, carnes, pães, biscoitos, bolos, cremes. Ótimo no café árabe e para aromatizar licores.  
Casca de Laranja desidratada: utilizado para dar um toque especial no sabor de sobremesas. Ideal para pudins, mousses, bolos, biscoitos, molhos e sorvetes.
Cogumelo seco: depois de hidratado, pode ser usado em Strogonoff, molhos para carnes e massas, risotos, Sopas e omeletes.
Cominho (em Sementes ou moído): de sabor forte, deve Ser usado em pequenas quantidades em pratos à base de queijos, ovos, carnes, oves, batotas e legumes. Também recomendado no preparo de molhos e pães.
Cravo da índia: doce e picante, é usado tonto para ornamentar como paro dar sabor. Ideal paro molhos, conservas, doces, compotas, assados etc.
• Cremos de Tártato: de sabor ácido-suave, é utilizado na fermentação de vinhos de produção caseiro e em outras fermentações artificiais, como no preparo de balas, bolos com claras de ovos e merengues.
Gelatina: Substitui a gelatina em folhas em pratos doces e salgados. Neutra, assimila qualquer sabor. Pode Ser utilizada em geléias, pudins, mousses, Sorvetes, cremes e gelatina de frutos.
Gengibre: quente, doce e picante. Moído, é ideal para bolos, pães, molhos, Sopas, aperitivos, carnes, peixes, aves, legumes, saladas e frutas.
Louro (em folhos ou moído): utilizado em pequenas quantidades, é ideal no preparo de molhos, legumes, assados, carnes e frutos do mar.
Kummel: tem sabor adocicado. Usado no preparo de carnes e aves assadas. Também em sopas de legumes, saladas, marinados, biscoitos, patês, pães, bolos e queijos.
Macis: casca que envolve a semente da noz-moscada, é utilizada em pratos com queijo, aves, vitela, lombo e legumes.
Mostarda (em sementes ou moída): de sabor picante e aroma agradável, é usada na preparação de molhos para saladas e maioneses, carnes, aves, Sopas, legumes e pratos com ovos e queijos.
• Noz Moscada (em grão ou moída): ideal para molho bechamel, carnes, legumes, sopas, no recheio de massas, bolos, biscoitos, tortas, waffles e em bebidas com leite quente ou gelado.
Papoula (sementes): crocante e saborosa, é usada em saladas, massas amanteigadas, pães, bolos, tortas, biscoitos, salgadinhos de queijo, salada de frutas e compotas.
Páprica doce: de cor vermelho vivo, a páprica doce é usada como ornamento colorido para alimentos de cor clara, peixes, carnes, sopas, canapés, molhos e no preparo do goulash.
Páprica Picante: salpicada sobre peixes, carnes, aves, canapés, batatas, ovos, tortas salgadas e molhos. E usada também em pratos da cozinha espanhola e húngara, sendo o tempero principal do goulash.
Pimenta do reino Preta (em grão ou moída): Em grão é usada em saladas, marinados, assados e pickles. Moída, pode ser usada em todos os pratos salgados. Ideal na água de cozimento de carnes, molhos, no final do preparo de legumes e verduras, salpicada sobre carnes, peixes e frangos antes de grelhar.
Pimenta do reino branca (em grão ou moída): Com sabor mais suave que a pimenta preta, é usada em todas as receitas salgadas. Especialmente indicada para pratos que não podem ter sua aparência e cor alteradas.
Pimenta Chilli: Extremamente picante, é utilizada no preparo de pratos mexicanos e italianos. Ideal para sopas, cremes, molhos cremosos e de tomate, frutos do mar, carnes, aves, vegetais e coquetéis.
Pimenta rosa: Misturada à pimentas do reino preta, branca e verde, decoram e conferem sabor delicado a saladas, malhos, grelhados e frutos do mar. deve ser usada com moderação, pois seu sabor predomina sobre o sabor de outros temperos.
Pimenta Jamaica: seu sabor lembra uma mistura de cravo, canela e noz-moscada. Usada em assados, churrasco, catchup, molhos chili e tomate, sapas e ovos. E também em bolos, bolachas, doces, pudins e frutas assadas.
Raiz Forte: Ideal no preparo de sushi e sashimi e alguns molhos. 

MISTURAS ESPECIAIS
4 Épices (francesas) Ingredientes: pimenta do reino, gengibre, noz moscada e cravo. Ideal para carnes, peixes, presunto, rã, língua, pickles, suco de tomate, molhos, ponches e doces.
Agridoce (Chinês) Ingredientes: anis estrelado, canela, erva doce, cravo e gengibre. Muito utilizado em pratos da cozinha chinesa. Ideal no frango xadrez, molho agridoce e bifes.
Avis Rara Ingredientes: sal, páprica, mostarda, pimenta chilli, aipo, noz moscada, sálvia, tomilho, alecrim e manjerona. Ideal para aves especiais (faisão, perdiz, codorna, galinha d'angola). É uma 6tima opção para realçar o sabor de aves grelhadas, assadas cozidas ou fritas.
Cheiro Verde Ingredientes: salsa e cebolinha verde desidratadas. Ideal para temperar carnes, peixes e molhos para saladas, feijoada, almôndegas, croquetes de bacalhau, omeletes e molhos à base de manteiga.
Chili (Mexicano) Ingredientes: pimenta chili, cominho, orégano e alho. Utilizado em pratos mexicanos, dá um sabor especial às carnes, peixes, frutos do mar, ovos e cozidos. Ótimo também em carne moída e hamburguer.
Colorífico Ingredientes: urucum, fubá e 61eo de soja. Também conhecido como colorau, dá cor apetitosa realçando um tom vermelho-alaranjado nas carnes, arroz, frango, peixes, caldeiradas e moquecas. No preparo de picadinhos de carnes, sopas e molhos em geral.
Curry Taj Mahal Ingredientes: coentro, cúrcuma, gengibre, cominho, fenogrego, pimenta do reino, mostarda, noz moscada, cravo, canela, erva doce e cardamomo. Realça o sabor dos alimentos, e é indicado na preparação de carnes. Aves, peixes, sopas, molhos, arroz, casseroles, queijos, legumes, camarões, ovos e canapés.
Ervas de Provence Ingredientes: manjericão, alecrim, sálvia, manjerona, louro, segurelha e tomilho. Confere especial sabor às carnes, peixes, aves, patês e cremes.
Ervas Finas Ingredientes: salsa, cebolinha, estragão e tomilho. Levemente picante, é ideal no preparo de molhos, omeletes, saladas, carnes e aves.
Lemon & Herb (Limão e Ervas) Ingredientes: limão cristalizado, cebola, amido de milho, proteína de soja, ervas finas, glutamato monossádico, açúcar, ácido cítrico e corante natural CI. Com sabor agridoce, é ideal para lagosta, vieiras, salmão, truta, meca, atum, e especialmente para camarões.
Peixes & Aves Ingredientes: sálvia, tomilho, alecrim, manjerona e aipo. Para temperar aves, peixes e frutos do mar.
Pimenta & Cominho Ingredientes: pimenta do reino e cominho. Ideal para temperar feijões, cozidos de peixe e frutos do mar. Também em carnes, aves, pratos à base de ovos, sopas, queijos, molhos, pães, batatas e legumes.
Sal & Aipo Ingredientes: sal refinado, e aipo em pá. Dá um toque refinado às carnes, peixes, saladas, omeletes, molhos para saladas, churrasco, sopas e sucos de legumes para coquetéis. Utilizado também em frutos do mar e sanduíches de atum e salmão.
Tempero Churrasco Ingredientes: alecrim, salsa, orégano, pimenta do reino, alho, sal e MSG. Mistura das especiarias mais indicadas para ressaltar todo o sabor dos churrascos, bifes e assados.
Tempero Pão de Mel Ingredientes: canela, noz moscada, cravo, gengibre, anis e casca de laranja desidratada. Um toque especial para pão ou bolo de mel e cookies com amêndoa ou gotas de chocolate.
Tempero Pizza Ingredientes: orégano, manjericão, tomilho e manjerona. Ideal para pizzas, pastéis, petiscos, queijos, canapés, molhos, omeletes. Também utilizado em pratos a' base de batatas e queijos.
Tempero Sírio Ingredientes: pimenta jamaica, pimenta do reino branca, canela, cravo, gengibre, noz moscada e cardamomo. Ideal para kibe cru, frito ou de bandeja, carnes, aves, recheio para esfiha e também para dar um toque especial a outros pratos preferidos.
Zahtar Ingredientes: gergelim, coentro, orégano, manjerona, sal refinado, colorífico e acidulante ácido cítrico. É salpicada em carnes e vegetais ou usada para patês. Pode ser misturado com azeite de oliva a distribuído no pão ou massa de esfiha antes de assar.
VEGETAIS DESIDRATADOS
Aipo Verde: Utilizado em sopas, legumes, carnes, frango, almôndegas, massas, molho vinagrete para churrasco e Sucos vegetais como o de beterraba e cenoura.
Cebola em Flocos: pura e desidratada, é indicada em todas as preparações da cebola fresca, bastando hidratá-la em água gelada, ou adicioná-la seca em sopas molhos etc.
Espinafre: Muito utilizado por restaurantes no preparo de massas, para nhoque, espaguete, pães, molhos, patês, cremes e sopas.
Cenoura: Ideal para o preparo de massas diversas.